Asterios Polyp por David Mazzucchelli

asterios

Esse quadrinho conta a história de Asterios, um arquiteto e professor, com pensamentos bem pragmáticos. A narrativa começa quando um incêndio ocorre no prédio onde mora, e ele precisa sair à pressas.

Misturando com memórias e os acontecimentos pós incêndio, vamos conhecendo esse personagem, a chegada da sua família aos Estados Unidos, sobre como ele conhece a esposa, e em como ele não está com ela durante o incêndio.

Meus pensamentos:

Que quadrinho incrível!! O autor usa vários artifícios para caracterizar os personagens, desde o formato dos balões de fala, a fonte utilizada e o traço para desenhar cada um. Isso dá personalidade e singularidade em cada um de uma forma que nunca vi antes. David usa diferentes paletas de cores para retratar momentos separados ou os sentimentos expressados pelos personagens  e é simplesmente um espetáculo! Amei a parte gráfica, não só por ser bonito, mas como ele utilizou cada detalhe para ajudar a contar a história e passar as emoções.

asterios2Como personagem principal, Asterios é o mais bem explorado e é justamente a construção do caráter dele o foco do enredo. Então vamos acompanhar de lembranças a sonhos desse homem arrogante, misógino e intelectual, que encontra uma esposa sensível e humilde, uma artista abstrata. A história não é sobre o romance, mas é parte importante nos acontecimentos.

É difícil explicar sobre o que é, sendo que é sobre tudo. É a vida de uma pessoa (e às vezes sobre outras envolvidas). Asterios Polyp é um pesonagem complexo, e durante o quadrinho é possível ver o poder e complexidade dos relacionamentos, profissão, família e da vida.

Foi uma leitura incrivelmente rica! Assim que terminei fiquei tentando digerir tudo, achando que com o tempo as coisas iam se assentar e eu ia conseguir falar melhor sobre. Mas passou já um tempo, e eu ainda não sei me expressar direito. Terminei com vontade de reler, prestar mais atenção aos detalhes, pois a sensação é que nada está no papel à toa, tudo tem um significado, e se você tiver pressa vai deixar passar algo incrível. Ainda quero reler, mas acho que essa vontade não vai passar. É uma obra-prima. ❤

asteriospolyp

Maratona Literária de Inverno 2015

SIM! Mais um projeto com desafios pra seguir. Me atolando de livros desde sempre. Meu jeitinho. ^^

Quem está organizando a #MLI2015 é o Victor Almeida do GeekFreak, então quem quiser participar vai lá no canal dele para se inscrever e saber os detalhes de como vai ser. Tem também a página do evento no face, com um FAQ maravilhoso! rs!

O que é?

Em linhas gerais é um evento para incentivar a leitura e nos esforçarmos para ler mais do que estamos acostumados, então não tem nenhuma meta pré determinada, cada participante que vai estabelecer a sua.

Quando?

As inscrições já encerraram =( Eu fiz o post muito atrasada… A maratona vai começar dia 06 de Julho e vai até 3 de Agosto. São 4 semanas ao todo.

Onde?

Por experiências anteriores, a maior parte da atividade rola no Twitter @victoralmeidap e na página do evento no face. Mas aconselho acompanhar o canal também. Claro que a leitura ocorre onde você quiser! =X

Como?

Você estabelece uma meta de livros, páginas, palavras, o que você quiser, para esse período de 4 semanas. O importante é ler mais do que você costuma em um mês. Para deixar o evento mais interessante, Victor criou alguns desafios e semanas temáticas para ajudar e motivar. Mas são opcionais.

Desafios (um livro pode cumprir mais de um item)

  • Um livro com figuras ou ilustrações
  • Comece e/ou termine uma série, trilogia ou qualquer conjunto
  • Um livro que alguém escolheu por você
  • Um livro que já virou ou vai virar uma adaptação cinematográfica
  • Um livro com a capa azul
  • Um livro do gênero que você menos leu ano passado
  • Um livro que você ganhou
  • Um livro com mais de 400 páginas

Semanas Temáticas:

  • Semana 1: Fantasias, Distopias e/ou Ficção Científica
  • Semana 2: Thriller, Suspense e/ou Terror
  • Semana 3: YA Contemporâneo, Romance e/ou Drama
  • Semana 4: Livros nacionais

Meus livros escolhidos

Claro que eu não me dei por satisfeita em só estabelecer uma meta e participar, eu TINHA que seguir os desafios, não me aguento. Mas eu parei nas semanas temáticas, não tenho livros para todas as semanas, e não quero ficar ansiosa de terminar um livro só porque a semana dele está terminando.

TBR

  • Um livro com figuras ou ilustrações: Abarat
  • Comece e/ou termine uma série: O Sol é para Todos (vai lançar a continuação em breve)Um livro que alguém escolheu por você: Anna Karênina (projeto Mell Ferraz)
  • Um livro que já virou ou vai virar uma adaptação cinematográfica: O Sol é para Todos
  • Um livro com a capa azul: Ardil-22
  • Um livro do gênero que você menos leu ano passado: Misery, uma Louca Obsessão (thriller)Um livro que você ganhou: Into The Wild
  • Um livro com mais de 400 páginas: Anna Karênina

DSC_0547

E sim, só vou colocar 6 livros, enquanto tem gente colocando 8, 12, 15, 20, 30, 283971… Eu costumo ler de 4 a 5 livros por mês, e eu sei que 6 não é muito mais que isso, mas tem dois livros bem grandes no meio, que são Anna Karênina e Ardil-22.

Esse mês de Junho eu consegui ler 6,5, e apesar de não ter tido maratona nem nada, eu estava me esforçando bastante para ler muito e mais rápido. Além de que dois deles foram audiobooks, o que ajuda bastante. Então não quero colocar mais que 6, porque sei que não conseguirei ler mais, até porque não tenho nenhum deles em audiobook. Se por algum acaso eu conseguir terminar tudo antes do prazo final, aí eu leio a primeira coisa que estiver por aqui e pronto. Extra é extra.

Me desejem sorte!

Projetos e Metas de Leitura

Sou uma pessoa bem metódica e já gosto de uma lista pra seguir, uma meta pra bater ou um desafio para cumprir. Então não perco uma oportunidade para me aventurar nesses projetos. Vou falar um pouco de cada um que estou fazendo no momento.

Reading Challange 2015

Fiz uma página separada para ir atualizando todo mês, afinal vai durar o ano inteiro. Preciso ler uma média de 4,5 por mês para conseguir completar.

Clube do Livro

Ainda sem um nome, mas em funcionamento, é um grupo de amigos democrático, onde estamos lendo 1 livro a cada 3 meses, para todos poderem participar com calma, no seu ritmo. Estamos no segundo livro, mas é legal para podermos sair da zona de conforto e ler coisas diferentes, já que a escolha é através de uma votação de uma seleção feita com uma sugestão de cada um.

Eu estou tentando encaixar o livro do clube no desafio de 2015, porque nem sempre consigo ler mais que 4 livros por mês. Até agora tem dado certo. O primeiro livro escolhido foi “A Odisséia de Penélope” de Margaret Atwood, que encaixei no item “um livro escrito por uma autora”, e o segundo é “Ardil 22” de Joseph Heller, que ainda estou lendo, mas vai entrar no “um livro com um número no título”.

Vamos ler juntos? da Mell Ferraz

A Mell tem um canal e um blog, e lá estão rolando esse mês dois projetos para ler livros junto com ela. Um é o Anna Kariênina e outro é O Sol é Para Todos. Como eu já tenho os dois livros, mas nunca tomei a iniciativa para ler, vou aproveitar a motivação e animação para ler os dois.

Também vou encaixar os dois no desafio de 2015. O Anna vai entrar no “Um romance clássico”  e O Sol é Para Todos irá cumprir o “O primeiro livro de sucesso de um autor”.

Outros

Eventualmente aparecem outros desafios, maratonas, projetos, e sempre estou participando, mas sempre que aparecer uma coisa nova, atualizarei! Tenho vontade de participar do Leia MulheresLendo o Mundo, e o Rory Gilmore Book Challenge, mas acho que por enquanto os que eu participo já são suficiente para me motivar.

Porque o objetivo é esse: se manter motivado, lendo cada vez mais, leituras mais diversificadas e sair da zona de conforto. Depois que fiz o perfil do Goodreads e comecei a assistir canais de literatura no YouTube, meu hobby se tornou mais sólido. Quando via as pessoas falando quantos livros leu no ano, ou por mês, percebi que eu não fazia idéia, e não ligava muito, até porque o objetivo sempre foi a diversão, mas fiquei curiosa para levantas essas estatísticas minhas, e ter uma noção de onde eu me situava nesse universo. Foi só o primeiro passo, aí fui me organizando e hoje não vivo sem essas listas, e metas. Alguns podem achar muito estressante, mas eu adoro. Não faço disso uma obrigação, se alguma coisa importante estiver acontecendo na minha vida que eu não possa cumprir essas metas, paciência. Mas gosto de ter o objetivo em mente para sempre estar lendo.

Me conte se você também participa de algum tipo de projeto, clube e desafio!